Exploração Científica da Consciência

Clique aqui para fazer download do livro Exploração Científica da Consciência: em direção à epistemologia apropriada.

Prezado leitor,

Este post transcreve o início da apresentação da tradução que realizei para o livro Exploração Científica da Consciência: em direção à epistemologia apropriada. A obra foi escrita por Willis Harman e Christian de Quincey do Institute of Noetic Sciences.

Apresentação

Nos dias 24 a 27 de agosto de 1995, realizou-se no St. John´s College, uma das 30 universidades em Cambridge, Inglaterra, o Congresso Beyond the Brain, New Avenues in Cons­ciousness Research (Além do Cérebro, Novos Caminhos na Pesquisa da Consciência), organizado pelo Scientific and Medical Network (SMN) e pelo Institute of Noetic Sciences (IONS) com o apoio do Fetzer Institute e da Lifebridge Foundation.

Imagem Convite Evento (2)Cambridge, desde o Século XIII, constitui tradicional cen­tro universitário por onde passaram grandes vultos da História da Ciência, entre eles Isaac Newton, Francis Bacon, Erasmo de Roterdã e Lord Byron. Em 1995, essa cidade inglesa registrava o impres­sionan­te número de 68 nomeações para o prêmio Nobel, além do famoso laboratório Cavendish, centro de pesquisa de Física, no qual J. J. Thompson descobriu o elétron e Ernest Rutherford son­dou a estrutura do átomo.

St Johns College Cambridge England UK

St. John´s College, Cambridge, Inglaterra.

O tema do encontro, os títulos das pesquisas o programa das conferências impressionavam pela exploração da consciência em bases científicas. Enfatizava-se o fato de um real avanço so­cial demandar conhecimento sobre a consciência humana.

A presença de renomados pesquisadores, conhecidos por este tradutor apenas nos textos de pesquisa cons­ciencial, comple­mentaram a decisão de participar do congresso. Encontravam-se, entre outros, na ordem das apresentações, Willis Harman, Stanis­lav Grof, Stuart Hameroff, Guy Claxton, Ervin Laszlo, Peter Fen­wick, John Beloff, Edgar Mitchell, Brian Josephson, David Fon­tana e Charles Tart.

Imagem programa evento finalPrograma do evento.

O evento, o local, as apresentações e a convivência com conferencistas e participantes (total de 308 pessoas) foram mar­cantes para este tradutor, especialmente os contatos que se segui­ram, entre diversos outros, com Willis Harman, David Lorimer, Peter Fenwick, Charles Tart e, principalmente, pela sincera ami­zade desenvolvida com o saudoso Arthur Elisson, conhecido pes­quisador de fenôme­nos parapsíquicos e presidente por dois pe­ríodos da Society for Psychical Research (SPR).

A tradução deste livro resulta da brilhante conferência realizada por Willis Harman (1918–1997). Em um dos intervalos do evento, este tradutor, ao parabenizá-lo pela exposição, infor­mou-lhe ser do Brasil e ter como foco de interesse o embasa­mento para a pesquisa da consciência. Desse modo, considerando o teor de sua apresentação gostaria de traduzir alguma de suas pesquisas para o Português. Harman concordou ao verbalizar que a transposição dessas ideias para outro idioma pudesse torná-las mais abrangentes, permitindo novos entendimentos e posiciona­mentos a respeito das essenciais questões da ciência da consciên­cia. Harman sugeriu que nos dirigíssemos à livraria, organizada pelo SMN, onde algumas de suas obras estavam disponíveis. Lá chegando, Harman indicou o relatório de pesquisa Exploração Científica da Consciência – Em Direção a Epistemo­logia Apro­priada, escrito em parceria com Christian de Quincey. De pronto aceitei o desafio. Algumas semanas depois Harman enviou pelo correio a autori­zação para a realização da tradução.

À época este tradutor estava morando em Lisboa, Portugal, era respon­sável pela implantação de unidade do Instituto Interna­cional de Projeciologia e Conscienciologia (IIPC), instituição de terceiro setor, fundada pelo médico e pesquisador brasileiro Waldo Vieira, em 1988, no Rio de Janeiro. O IIPC desenvolve pesquisa e educação sobre os temas da consciência (Conscien­ciologia) a partir de Fenomenología registrada em diferentes povos e culturas, sendo a manifestação fora-do-corpo (Proje­ciologia), talvez a experiência com maior potencial de esclare­cimento sobre a realidade e o conteúdo da consciência.

De volta à Portugal, houve a oportunidade de publicar na revista portuguesa A Razão, de abril/junho de 1996, o texto Novos Caminhos na Pesquisa da Consciência, registrando a presença no citado evento. Nesse artigo, a participação de Harman, no citado evento em Cambridge, foi descrita com as seguintes palavras:

“Willis Harman é presidente do Institute of Noetic Scien­ces, professor em Stanford e pesquisador em Planeja­mento Futuro e Estratégico, autor de Global Mind Change and Creative Work e editor de New Metaphysical Foun­dations of Modern Science. O título de sua comunicação foi Em Direção à Ciência da Consciência: Precisamos de uma Nova Epistemologia?”

Imagem foto WH e APDavid Lorimer (à esquerda, diretor do Scientific Medical Network
e organizador do evento), Willis Harman (ao centro, autor do livro em questão
e presidente do Institute of Noetic Sciences) e Antonio Pitaguari (à direita, autor deste blog).
O local é o St. John´s College, Cambridge, Inglaterra em 1995.

Para continuar lendo clique aqui para fazer download do livro completo.

Grato pela atenção,

Antonio Pitaguari

2 Comentários

  1. SEBASTIAO JOSE FEITOSA DIAS

    Parabéns mais uma vez meu caro Antonio Pitaguari. Este seu site é um difusor do conhecimentos prioritários para todo ser mais lúcido quanto à autoexistência. Grande abraço, Sebastião Feitosa.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *