Acidez Metabólica do Sistema Nervoso Simpático

Acidez Metabólica

Hoje vamos te mostrar por que pessoas com o sistema nervoso simpático costumam ter problema de acidez metabólica e, por isso, precisam de alimentação mais alcalina.

Já pessoas com predomínio do sistema nervoso parassimpático são mais alcalinas por natureza e precisam de uma alimentação mais para ácida.

Predomínio simpático = metabolismo ácido
requer alimentação mais alcalina
Predomínio do parassimpático = metabolismo alcalino
requer alimentação mais ácida

Domínio do Sistema Nervoso Simpático

Vimos anteriormente, que o domínio do sistema nervoso simpático estimula coração, músculos, sistema endócrino e o hemisfério esquerdo do cérebro que tendem a ser bem desenvolvidos, ativos e até hiperativos.

Ao mesmo tempo, seu sistema parassimpático é lento, e isso torna ineficiente seus tecidos, órgãos e glândulas estimulados pelo parassimpático, tais como estômago, intestinos e pâncreas e fígado.

Em termos de bioquímica, existem três funções particularmente importantes para as pessoas com predomínio do simpático: ambiente celular ácido, membranas celulares rígidas e como resultado o metabolismo de energia celular ineficiente.

Equilíbrio Ácido-Base

Para entender isso melhor, vale estudar hoje o equilíbrio ácido-base (primeiro item). No próximo texto, vamos ver a relação do cálcio com a rigidez das membranas celulares, mencionado no segundo item.

O equilíbrio ácido-base é muito importante na doença e na saúde. Extremos em qualquer direção, acidez ou alcalose, podem ser fatais.

Existem mecanismos bioquímicos corporais complexos para manter os níveis ácidos e básicos sob controle. Produzimos continuamente resíduos ácidos, como o ácido lático, produto do metabolismo celular, e produzimos substâncias como o bicarbonato, um antiácido poderoso, para neutralizar o excesso de acidez.

As moléculas ácidas ou alcalinas podem ser excretadas eficientemente através dos rins ou liberadas através da respiração, conforme necessário, a fim de manter os níveis ácido-base adequados.

Carboidratos: melhor combustível para predomínio do simpático

Uma síntese bioquímica da nutrição nos lembra que o corpo converte carboidratos e frutas em glicose e frutose para aplicação na glicólise e ciclo de Krebs através de ácido pirúvico e acetato.

Quando estudamos as pessoas com domínio do simpático, a oxidação celular através do ciclo de Krebs, que produz ATP ou energia, é um processo ineficiente. Nesse caso, os açúcares simples alimentam mais fácil e rapidamente as reações do ciclo de Krebs do que alimentos complexos, como proteínas e gorduras.

Por isso, carboidratos são o melhor combustível para quem tem predomínio do sistema nervoso simpático.

Acidez do simpático

Segundo William Kelley, o propositor do paradigma metabólico, o sistema nervoso sob predomínio do simpático produz grandes quantidades de resíduos ácidos, como ácido láctico e ácido pirúvico, que se acumulam nas células, nos fluidos celulares e no sangue.

Assim, o metabolismo de quem tem o domínio do simpático tende a acidez, e, dependendo do nível da atividade simpática, pode se tornar bastante pronunciada.

Acidose metabólica

Não só as células simpáticas produzem grandes quantidades de resíduos ácidos, mas os processos renais de excreção que normalmente removem o excesso de ácido na urina, também são ineficientes.

O resultado final é que as células, tecidos, órgãos e fluidos simpáticos, além do sangue, ficam com excesso de acidez. A acidose metabólica crônica, por sua vez, através de um elaborado mecanismo de feedback, afeta a fisiologia do simpático, ou seja, o ambiente ácido estimula ainda mais a atividade simpática, reprimindo o parassimpático.

Problemas de acidez não ocorrem com quem tem predomínio do parassimpático, cujo funcionamento dos órgãos digestivos tem maior qualidade.

Acidez estimula e alcalinidade suprime a atividade simpática

Assim, pessoas com domínio do sistema nervoso simpático tendem a ter o corpo, órgãos e tecidos mais ácidos. Considerando-se que a dieta vegetariana tem maior poder alcalinizador, assim, um ambiente alcalino diminui a atividade simpática e aumenta a atividade parassimpática.

Muito da pesquisa que relaciona o equilíbrio ácido-base ao sistema simpático vem da fisiologia cardiovascular e da sala de emergência para tratamento de ataque cardíaco. Durante um ataque cardíaco, o coração perde a capacidade de bombear o sangue eficientemente. Isso resulta em acúmulo de ácido lático no sistema sanguíneo. Nessa situação, o corpo rapidamente se torna excessivamente ácido que envenena o metabolismo celular. Assim, os residentes médicos são ensinados que o paciente com ataque cardíaco encontra-se em estado de muita acidez e, por isso, devem administrar rapidamente o antiácido intravenoso bicarbonato em grandes quantidades a fim de neutralizar o perigo da acidez.

Embora a administração de bicarbonato para ataque cardíaco tenha sido aceita como parte dos conhecimentos médicos, foi apenas em 1990 que pesquisadores avaliaram essa abordagem de tratamento de modo cuidadosamente controlado.

Para espanto dos cardiologistas, que por décadas assumiram o benefício dessa terapia de alcalinizar o corpo em casos de ataque cardíaco, os estudos mostraram que uso excessivo de bicarbonato pode suprimir a ponto de interromper a atividade simpática. Quando os nervos simpáticos que alimentam o coração param, distúrbios rítmicos fatais podem ocorrer. Tais experimentos ensinam que um ambiente alcalino suprime a função simpática, e, em casos extremos, pode gerar consequências desastrosas.

Como vimos um ambiente ácido estimula enquanto o ambiente alcalino suprime a atividade simpática.

 

Assine nossa lista aqui para receber atualizações sobre o Programa Saúde de Dentro para Fora: Conheça seu tipo metabólico e saiba como suprir as necessidades nutricionais e suplementares.

Referência

GONZALEZ, Nicholas. Nutrition and the Autonomic Nervous System: The scientific foundations of the Gonzalez protocol. New York, USA: New Spring Press (Kindle Edition), 2017.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *